Noticias

05 curiosidades sobre o Wi-Fi que você não sabia

Você sabia que…

O Wi-Fi é uma marca registrada da Wi-Fi Alliance?

Ela é utilizada por produtos certificados pertencentes a classe de dispositivos de rede local sem fios, o WLAN baseada no padrão IEEE 802.11.

Para muitas pessoas Wi-Fi refere-se a uma abreviação de wireless fidelity ou “fidelidade sem fio” (tradução do inglês), mas a verdade que é o termo é um brincadeira com outro termo muito comum, o Hi-Fi – que serve para qualificar aparelhos de som com áudio verdadeiro (confiável) e é usado desde 1950.

O Wi-Fi opera em faixas de frequências e não necessita de licença para instalação ou operação.

Para o uso do Wi-Fi no Brasil, é necessário que o equipamento (dispositivo) esteja homologado pela Agência Nacional de Telecomunicações. Todos esses equipamentos devem ser avaliados e analisados para então receber o certificado de homologação e obter um selo de identificação da agência.

Confira abaixo, 05 curiosidades sobre o Wi-Fi que você não sabia:

O primeiro uso do Wi-Fi foi em 1971

Em 1971 no Havaí, as empresas NCR e AT&T ambas norte americanas, fizeram o uso de uma nova tecnologia de comunicação e troca de dados sem fio denominada WaveLAN.

Mas foi somente em 1997 que o Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos liberou o padrão IEEE 802.11, a primeira versão da rede Wi-Fi.

O que o Wi-Fi e uma atriz de Hollywood tem em comum? 

A famosa atriz de Hollywood Hedy Lamarr foi também uma grande e talentosa inventora!

Hedy Lamarr e o compositor George Antheil desenvolveram todo o conceito do sistema de comunicação via rádio, algo que foi muito útil aos Aliados na Segunda Guerra Mundial. Esse sistema deu origem a rede Wi-Fi anos mais tarde.

O significado do logo Wi-Fi 

O logo do Wi-Fi foi totalmente inspirado no Yin e Yang do taoísmo – essa inspiração deve-se ao fato do Wi-Fi poder ser utilizado entre dispositivos distintos, mesmo que lançados em anos diferentes. Exemplo: um equipamento Wi-Fi lançado há décadas atrás pode ser usado normalmente em uma rede sem fio atual.
Isso acontece devido a grande característica do Wi-Fi e sua compatibilidade de uso entre aparelhos de diferentes tipos e gerações.

Por que o Wi-Fi é tão suscetível a interferências? 

O Wi-Fi nada mais é do que uma troca de informações via ondas de rádio e outros dispositivos. Entretanto, essas ondas são muito vulneráveis a interferências, seja por obstáculos físicos como objetos e paredes, até mesmo as demais redes Wi-Fi da mesma área, antenas e aparelhos com uso de Bluetooth.

Curiosidade Extra: Você pode ser um grande bloqueador da rede Wi-Fi!

A água é um dos maiores bloqueadores de sinal do Wi-Fi, como nosso corpo é composto por 65% de líquido, podemos dizer que você (eu) somos um bloqueador de Wi-Fi.

Antes de ser chamado de Wi-Fi o primeiro nome da rede foi…

Em 1999 foi escolhido o termo Wi-Fi, mas antes disso existiam diversas possibilidades de nomes eram eles: DragonFly, WECA, WaveLAN e FlankSpeed. Ainda bem que foi definido Wi-Fi – simples e fácil de decorar e associar!